DestaquePolítica

Após críticas, Bolsonaro defende porta-voz e diz que vai manter café da manhã com a imprensa

No Twitter, o deputado Marco Feliciano disse que Otávio do Rêgo Barros era 'incompetente ou mal-intencionado'

BRASÍLIA – Perguntado sobre críticas recentes a Otávio do Rêgo Barros , o presidente da República,Jair Bolsonaro , afirmou neste domingo que está satisfeito com a conduta de seu porta-voz. O chefe do Planalto disse ainda que tem recebido muitas críticas a respeito do café da manhã que tem feito com jornalistas, mas que manterá a rotina.

Ele já tinha essa atividade na Secom Ex [Secretaria do Exército], ele é uma pessoa que tem me tratado com muito zelo, muita preocupação. Ele ajudou a me convencer pra esses cafés (com a imprensa). Tive críticas de várias pessoas, achando que eu devia ignorar vocês, até deveria. Você sabe o que acontece, muitas vezes não é vocês aqui na ponta, é no meio do caminho. Às vezes a manchete é péssima, mas a matéria é boa. E estou naquela máxima: acima de tudo, vamos tocar o barco — destacou o presidente.

Neste sábado, o deputado Marco Feliciano (Podemos-SP) afirmou, pelo Twitter, que o porta-voz do presidente é “incompetente ou mal-intencionado”.

“Porta-voz serve para proteger, não para expor. Nunca na história deste país um presidente foi tão exposto à imprensa como o PT Jair Bolsonaro. Alguém se lembra de presidente toda sexta-feira receber jornalistas para café da manhã?”, questionou.

Em outro tuíte, Marco Feliciano completou:

“Além de incompetente, Rêgo Barros é usurpador, pois porta-voz serve apenas para externar opinião do presidente. quem cuida do relacionamento com a imprensa é o Secretário de Imprensa. É só ler os artigos 23 e 39 do Decreto 9669. Quem indicou esse cara para o presidente?”, escreveu.

Sobre as afirmações de Feliciano, especificamente, Bolsonaro afirmou que várias pessoas compartilham da opinião do deputado, mas que manterá a rotina de cafés da manhã com a imprensa.

— O que ele pisou na bola? Não sei. Olha só, qual é a minha opinião sobre isso? Não é o Marco Feliciano, muita gente fala contra e a favor, a maioria fala contra o café da manhã (com jornalistas). Está beirando a unanimidade falar contra, acredite se quiser. Agora, não é porque eu sou presidente. O risco que eu corro existe, tem esse áudio vazado aí. A princípio, tá mantido isso aí. Apesar de alguns chatos de vocês, a gente suporta, acho que vale a pena. O que eu digo desse café da manhã é que se fosse uma pessoa, dava pra distorcer, várias fica mais difícil.

 

Via
O Globo
Etiquetas

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios