DestaquePolítica

Após reunião com Bolsonaro, prefeito de Miami se diz impressionado com Eduardo

Francis Suarez elogiou filho do presidente

prefeito de Miami,Francis Suarez, se reuniu nesta quinta-feira com o presidente Jair Bolsonaro no Palácio do Planalto. Na saída do encontro, disse que ficou impressionado com o deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), que também participou da reunião. Suarez evitou, no entanto, apoiar a indicação de Eduardo para a embaixada de Washington, dizendo que qualquer pessoa escolhida pelo governo brasileiro será bem recebida.

Suarez é do Partido Republicano, o mesmo do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump. De acordo com ele, a indicação de Eduardo foi discutida rapidamente. O prefeito também disse que se deu bem com Eduardo porque os dois tem idades parecidas: ele tem 41 anos, e Eduardo tem 35.

Conversamos brevemente sobre isso. Obviamente, os Estados Unidos vão receber quem quer que o governo brasileiro escolha como seu embaixador. O filho do presidente estava lá, e nós conversamos em três línguas, em português, espanhol e inglês. Houve uma conexão imediatada, porque temos idades parecidas.

Isso é para o governo brasileiro decidir. Nós vamos respeitamos e receber de braços abertos quem quer que eles escolham, particularmente se for o filho do presidente.

O prefeito disse que eles também conversaram sobre a ameaça do comunismo:

Em Miami estamos traumatizados pelo comunismo, porque muitos de nossos moradores são de Cuba ou Venezuela. Isso é algo que conversamos, porque temos em comum. Entendemos que a ideologia do comunismo, infelizmente, entrega uma promessa de miséria para todos.

Durante sua passagem pelo Brasil, Suarez também encontrou os governadores do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, e de São Paulo, João Doria.
Via
O Globo
Etiquetas

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios