Entretenimento

Ariana Grande move ação de US$ 10 milhões contra marca de fast fashion

Cantora alega que a Forever 21 usou modelo parecida com ela para confundir os consumidores

Ariana Grande, uma das artistas pop mais badaladas da atualidade, entrou com uma ação contra a marca de fast fashion Forever 21. A artista pede uma indenização de US$ 10 milhões alegando que a rede de lojas usou uma modelo parecida com ela, numa estética semelhante a do clipe “7 rings”, do álbum “Thank u, next”.

A 'Ariana Grande' da Forever 21 Foto: Divulgação
A ‘Ariana Grande’ da Forever 21 Foto: Divulgação

Segundo o TMZ, os advogados de Ariana disseram que a Forever 21 lançou “uma campanha enganosa em seu site e plataformas de mídias sociais, principalmente em janeiro e fevereiro de 2019”, capitalizando o sucesso do então recém-lançado álbum.
A matéria diz ainda que Ariana e a marca estavam em negociações para assinar um contrato, mas, como não chegaram a uma cifra que agradasse ambos os lados, as conversas foram colocadas de lado.

Etiquetas

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios