Mundo

Avião com mais de 100 pessoas cai em área residencial em Karachi, no Paquistão

A aeronave é da Pakistan International Airlines e levava 99 passageiros e 8 tripulantes; não há ainda informações sobre vítimas

KARACHI – Um avião da Pakistan International Airlines que transportava mais de 100 pessoas e ia de Lahore para o Aeroporto Internacional de Jinnah, um dos mais movimentados do Paquistão, caiu em um bairro residencial em Karachi, a cerca de quatro quilômetros do aeroporto. Karachi é a cidade mais populosa do Paquistão, capital da província de Sinde, no Sul do país.

— O avião caiu em Karachi. Estamos tentando confirmar o número de passageiros, mas inicialmente são 99 passageiros e oito tripulantes — disse Abdul Sattar Khokhar, porta-voz da empresa aérea, que disse para a CNN que o piloto teria avisado que estava efrentando problemas técnicos.

Fotos e vídeos compartilhados nas redes sociais mostram fumaça subindo do local do acidente e prédios em chamas. Os serviços de emergência já chegaram ao local.

Segundo ele, o voo PK8303 decolou de Lahore e deveria pousar às 14h30 (horário local)  em Karachi, mas desapareceu do radar. A queda teria ocorrido minutos antes de pousar.

O acidente ocorre menos de uma semana após o país permitir a retomada dos voos comerciais, no último sábado, em meio à pandemia do novo coronavírus. Os serviços aéreos no país ficaram suspensos por dois meses.

A empresa havia anunciado que voaria com cerca de 50% da capacidade de cada avião para permitir medidas de distanciamento social por conta da pandemia. Assim, o número de passageiros e possíveis vítimas ainda deverá ser confirmado oficialmente pela companhia.

Histórico de acidentes

O Paquistão tem um histórico de acidentes aéreos. Em 2010, uma aeronave operada pela companhia aérea privada Airblue caiu perto de Islamabad, matando todas as 152 pessoas a bordo (desastre aéreo com mais mortes da História do país).

Em 2012, um Boeing 737-200 operado pela Bhoja Air, do Paquistão, caiu devido ao mau tempo, em Rawalpindi, matando todos os 121 passageiros e seis tripulantes.

E em 2016, um avião da Pakistan International Airlines pegou fogo enquanto voava do Norte do Paquistão para Islamabad, matando 47 pessoas.

Etiquetas

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios