Entretenimento

Blogueira é hackeada e perde seguidores em SP: ‘Perdi tudo’

Jovem perdeu conta com mais de 17 mil seguidores e recebeu mensagem de hacker tentando resgate pelo perfil.

Uma blogueira foi hackeada e perdeu todos seus seguidores após um golpe digital. Luana Vasques Salgueirosa, de 23 anos, moradora de Santos, litoral de São Paulo, perdeu a conta de uma rede social com mais de 17 mil seguidores, sua principal forma de conseguir visibilidade para a marca de biquínis que tem.

Ela explica que descobriu que foi hackeada quando tentou entrar na conta e não conseguiu. “Fiquei preocupada, mas pensei que depois resolvia. Mais tarde eu recebi um e-mail falando que o cadastro foi alterado e em seguida fui chamada pelo hacker no WhatsApp, esse foi o momento que fiquei nervosa”, relata.

Na conversa, o número com DDD dos Estado Unidos chama a jovem e diz que está com a conta dela. Entre mensagens pedindo “desculpa por te machucar”, o hacker ainda tentou resgate, perguntando se ela teria uma conta com bitcoins pois por “certa taxa” devolveria o perfil. “Parecia que ele escrevia com auxílio de um tradutor, com erros de português”, relembra Luana.

A blogueira e empresária cuida de uma marca de biquínis e conta que a visibilidade nas redes sociais ajudava com o crescimento da marca. “Perdi tudo”, desabafou em um outro perfil. Ela explica que ainda tentou contato com a plataforma do Instagram, que deu retorno alegando que a conta tinha sido excluída e, após ser retirada do ar permanentemente, ela não conseguiria recuperar.

Da esquerda para direita: E-mail que a jovem recebeu alertando a mudança; conversa com hacker sugerindo resgate e por último, seu perfil depois de ser hackeado — Foto: Arquivo Pessoal
Da esquerda para direita: E-mail que a jovem recebeu alertando a mudança; conversa com hacker sugerindo resgate e por último, seu perfil depois de ser hackeado — Foto: Arquivo Pessoal

“Meu perfil ajudava minha marca, agora eu preciso começar tudo de novo”, lamenta. A jovem ainda conta que utilizava aplicativos para auxiliar na administração da conta, mas alguns não eram confiáveis. “Eu tinha apps que mostravam quem deixa de seguir, por exemplo, e acredito que um deles pode ter feito a pessoa ter acesso ao meu login ou e-mail”, esclarece.

A jovem ainda não sabe em qual momento foi hackeada, mas acredita que o caso aconteceu depois de abrir um e-mail sobre o Instagram. “Senti o peso que a falta da conta teria profissionalmente. Agora é me reerguer com a ajuda dos meus amigos, divulgando a situação tanto para me recuperar quanto para alertar as pessoas sobre os cuidados nas redes sociais”, finaliza a jovem que já está sendo acompanhada por um advogado.

Segurança digital

A advogada mestre em Defesa Civil, Fernanda Las Casas, explica que os cuidados nas redes sociais precisam ser redobrados. Ela, que tem um perfil profissional no Instagram, também foi hackeada. Na época, a advogada conseguiu recuperar a conta eapós o caso, fala sobre segurança nas redes e no universo digital.

“Nunca pensamos que vai acontecer com a gente, por isso não há o cuidado redobrado, porque é algo distante”, explica. A advogada orienta os cuidados que devem ser tomados. “É preciso colocar arquivos em nuvens para proteger documentos e registros pessoais. Já nas redes sociais o usuário pode acessar e colocar a dupla segurança, que permite que você entre apenas se colocar um código que vai para seu e-mail”, reitera.

A advogada ainda explica que a Lei Geral de Proteção de Dados entra em vigor no dia 20 de agosto, e que a multa será alta para quem desrespeitar e conseguir os dados de maneira ilegal.

Etiquetas

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios