Política

Bolsonaro considera que em algumas situações a Bolsa Família se torna ‘condução coercitiva’

Para o presidente, governo anteriores usaram programa eleitoralmente e não estimularam pessoas a sair dele

O presidente Jair Bolsonaro classificou nesta sexta-feira o programa Bolsa Família como uma “condução coercitiva”. Ele afirmou que muitas pessoas precisam do programa, mas disse que em governos anteriores as pessoas não eram estimuladas a saírem dele.

Eu lembro no debate de 2014 uma candidata bateu no peito e falou que no “nosso governo 52 milhões de pessoas vivem do Bolsa Família”. Obviamente, e muita gente, repito, necessitava até disso daí.

Mas outra parte, não, porque não era estimulada a sair desse tipo de condução coercitiva, vamos assim dizer — disse Bolsonaro, em cerimônia no Palácio do Planalto em homenagem ao Dia Internacional da Juventude.

Depois do evento, questionado sobre a a declaração, Bolsonaro disse apenas que o programa era utilizado eleitoralmente:

Em parte, o Bolsa Família foi usado para ganhar votos.

Em seu discurso, o presidente disse que governantes anteriores queriam que a população tivesse o título de eleitor em uma mão e o cartão do programa social em outra:

Para esses que até pouco dominaram o país é muito importante que o povo brasileiro tenha em uma de suas mãos um título de eleitor e, na outra, o cartão de um programa assistencial. O que tira a juventude da miséria, ou um homem ou uma mulher, é o conhecimento. Não são programas sociais, que em alguns casos são necessários, até pela idade e pela condição daquela pessoas. Mas não podemos crescer pensando nisso.

Via
O Globo
Etiquetas

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios