Esportes

Brasil ganha ouro, 5 pratas e 4 bronzes nos Jogos Mundiais Militares

País é o terceiro colocado no quadro de medalhas da competição

No penúltimo dia de competições dos Jogos Mundiais Militares, que estão sendo realizados em Wuhan, na China, o Brasil conquistou um ouro, cinco pratas e quatro bronzes. Neste sábado (26) Bruno Schmidt e Evandro subiram no degrau mais alto do pódio depois de derrotar a dupla alemã na final por 2 sets a 0 (21 /18 e 21/15) no vôlei de praia.

Entre as mulheres, a dupla formada por Taiana Lima e Talita também disputou a final, mas foi derrotada pelas chinesas Wang Fan e Xia Xinyi por 2 sets a 1. As chinesas começaram vencendo por 22 a 20, as brasileiras levaram a melhor no segundo set por 21 a 12, mas perderam a partida no set decisivo por 15 a 9, e ficaram com a prata.

No basquete feminino, a seleção brasileira foi derrotada pela China por 93 a 65 na final e ganhou a prata. A equipe americana levou o bronze depois de vencer a França por 85 a 79.

No boxe, mais uma prata com Herbert Souza na categoria 69-75 Kg. O brasileiro foi derrotado pelo russo Semykin Aleksei na final. Os bronzes ficaram com o cazaque Nurseitov Timur e com o sírio Ghousoon Ahmad.

Outra prata do dia veio para o Pentatlo Naval, na Pista com Obstáculos, com os atletas Max Santos, Felício Carriço e Tiago Lincoln. O ouro ficou com a China e o bronze com a Espanha.

Os saltos ornamentais garantiram duas medalhas para o Brasil neste sábado. A prata por equipe feminina com Giovanna Pedroso, Tammy Galera, Luana Lira e Juliana Veloso (a China ficou com o ouro e a Rússia com o bronze) e o bronze de Tammy Galera e Giovanna Pedroso na plataforma sincronizada feminina. Nesta modalidade, a prata ficou com as russas Chuinyshena Anna e Timoshinina Iuliia e o ouro com as norte coreanas Kim Mi HMA e Kim Mi Rae.

A ginástica artística trouxe mais dois bronzes para o Brasil. Na barra fixa Chico Barreto somou 14.033 pontos e ficou com a terceira colocação, atrás dos chineses Xiao Ruoteng (ouro com 14.366 pontos) e Deng Shudi (prata com 14.300). O brasileiro Lucas Bitencourt ficou em quarto, com 13.733. Nas barras paralelas Caio Souza conquistou o bronze com 14.500 pontos, atrás dos chineses Zou Jingyuan (ouro com 15.866) e Xiao Ruoteng (prata com 14.833).

O outro bronze foi conquistado pela seleção feminina de futebol, que venceu a Coreia do Sul por 3 a 1 na disputa pelo terceiro lugar. O ouro ficou com a Coreia do Norte que venceu a China na final por 2 a 1.

A China é a líder do quadro de medalhas dos JMM com 130 ouros, 63 pratas e 37 bronzes. A Rússia está em segundo lugar, com 49 ouros, 51 pratas e 57 bronzes. O Brasil é o terceiro com 20 ouros, 29 pratas e 33 bronzes.

TV Brasil

A TV Brasil exibie o programa diário Jogos Mundiais Militares 2019 com os principais resultados da competição. Com 30 minutos de duração, a produção vai ao ar neste sábado (26) às 20h30 e no domingo (27), no mesmo horário. O público pode interagir pelas redes socias por meio da hashtag #JogosMilitaresNaEBC.

 

Via
EBC
Etiquetas

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios