Mundo

Carlos Ghosn processa Renault para receber pensão de € 250 mil

Ex-chefe da aliança da Nissan com a francesa alega que foi forçado a assinar carta de renúncia por autoridades japonesas

BEIRUTE – O ex-chefe da Nissan-Renault, Carlos Ghosn, está processando a Renault para receber uma pensão de € 250 mil, informou nesta segunda-feira o Financial Times.

Segundo o diário britânico, esta é a primeira de uma série de ações judiciais que Ghosn, após sua fuga cinematográfica do Japão para o Líbano, pretende impetrar para recuperar parte do dinheiro confiscado desde sua prisão em novembro de 2018.

No processo, enviado a um tribunal trabalhista francês antes da fuga de Ghosn, o ex-executivo alega ter direito a receber a pensão mesmo tendo renunciado ao cargo de presidente da Renault. A defesa de Ghosn diz que, além da quantia estipulada, ele deveria receber uma pensão anual no valor de € 770 mil, bem como € 15,5 milhões em ações, reportou o jornal francês Le Figaro. Tais valores lhe seriam devidos enquanto ele estava no cargo.

Parte dos argumentos do caso se refere à carta de demissão assinada por Ghosn no Japão, renunciando a pensões e ações, que ele alega ser inválida. A defesa diz que as autoridades japonesas obrigaram o empresário a assinar a carta e o forçaram a renunciar ao cargo na montadora francesa.

Via
POR: O GLOBO
Etiquetas

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios