Notícias

Deputado federal do PSL tem carro baleado em Mato Grosso do Sul

Segundo a nota de Loester Trutis, o parlamentar "conseguiu revidar o ataque". E, "apesar da emboscada, todos estão bem e sem ferimentos"

O deputado federal Loester Trutis, do PSL, publicou uma nota em seu Facebook afirmando que foi vítima de um atentado em Mato Grosso do Sul. Segundo a nota do parlamentar, também conhecido como Tio Trutis, seu carro levou pelo menos cinco tiros.

De acordo com a nota de Trutis, o parlamentar “conseguiu revidar o ataque”. Segundo ele, “apesar da emboscada, todos estão bem e sem ferimentos”. A reportagem não conseguiu entrar em contato com a assessoria do deputado para saber mais detalhes do episódio.

A Polícia Federal comunicou, em nota, que já tomou “todas as medidas iniciais em relação ao caso e instaurou inquérito policial para efetivar as investigações”. “O parlamentar e seu motorista não foram atingidos pelos disparos e prestaram declarações buscando colaborar com o procedimento investigativo” informou a PF.

Perfil

Trutis se define no Facebook como “conservador, pró-armas, anticomunista e carnívoro”. “Conhecido nacionalmente por seu empreendedorismo e opiniões firmes sobre pautas de direita como: antiaborto, antidemarcações de terras como indígenas e penas mais duras para crimes como o estupro e o roubo seguido de morte. Defensor ferrenho do direito do cidadão ter porte de arma e cortes de privilégios para políticos”, afirma o seu perfil na rede social.

Diz a nota do deputado, na íntegra:

“O Deputado Federal Loester Trutis e sua equipe sofreram um atentado enquanto estavam à caminho de Sidrolândia esta manhã. O carro em que estavam foi alvejado por, no mínimo, 5 disparos. O Deputado conseguiu revidar o ataque. Apesar da emboscada, todos estão bem e sem ferimentos. O Batalhão de Operações Especiais – BOPE fez a retirada do local e a Polícia Federal já está acompanhando o caso.

Informamos que, devido ao acontecimento, infelizmente não será possível cumprir as agendas marcadas para hoje. Em breve daremos mais informações. Obrigado.”

Etiquetas

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios