Política

Eduardo Tuma é reeleito presidente da Câmara Municipal de São Paulo

Vereador conseguiu maioria absoluta dos votos — 48 dos 49 presentes — e deve tomar posse no dia 1º de janeiro de 2020

O atual presidente da Câmara, Eduardo Tuma (PSDB), foi reeleito para o cargo no início da tarde deste domingo (15).

Veja mais: Governo brasileiro inaugura escritório comercial em Jerusalém; premiê de Israel participa

Estiveram presentes na votação 49 vereadores. Ele foi eleito com 48 votos a favor e uma abstenção, do parlamentar Fernando Holiday (DEM). A sessão para eleição do presidente teve início às 11h15 e se encerrou às 11h30.

A posse de Tuma está prevista para o dia 1º de janeiro, mas o chefe da Casa tem como meta dar continuidade aos mais de 200 projetos de lei aprovados neste ano.

O atual presidente da Câmara Municipal de São Paulo, cuja função é conduzir os trabalhos da Casa com os demais vereadores, tem como principais eixos de trabalho a economia na Câmara e a aprovação de projetos de lei para a população.

Também foram eleitos Milton Leite (DEM) como primeiro vice-presidente e Celso Jatene (PL) como segundo vice-presidente.

Veja mais: Governo brasileiro inaugura escritório comercial em Jerusalém; premiê de Israel participa

Sob mandato de Tuma, a Câmara teve uma economia de R$ 36,5 milhões em contratos e a folha foi reduzida em R$ 4,5 milhões. Tuma revisou contratos de software com o objetivo de digitalizar serviços e implantar sistemas de tecnologia para ajudar a dar celeridade aos serviços da Câmara.

Outro eixo de trabalho do presidente da Câmara é a sustentabilidade. Em um ano, ele afirma ter deixado de comprar 330 mil folhas de papel.

Entre as mudanças que colocou em prática, ele afirma que investiu na transparência e na comunicação. Conta que reforçou as redes sociais da casa e determinou que as sessões sejam transmitidas e publicadas no portal. Ele criou ainda o “Zap Câmara”, um canal direto para atendimento à população.

Projetos de lei

Sob seu mandato, foram aprovados mais de 200 projetos de lei, que precisam ser aprovados em duas instâncias. Desses, 90% se tornaram lei, como a Lei da Anistia; o Mais Creche, que permite que crianças em lista de espera na rede pública tenham acesso às creches privadas conveniadas do governo municipal; lei de Concessão de Interlagos; lei de proibição dos canudos; lei antifumo em parques; lei para criação de bolsões para estacionamento de motoboys; lei do código de defesa do consumidor específico para o município.

O atual presidente criou a CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) da sonegação de impostos que, segundo ele, conseguiu recuperar R$ 1 bilhão de grandes bancos. A última eleição de Eduardo Tuma (PSDB) foi no dia 15 de dezembro do ano passado.

Veja mais: Jamaicana vence Miss Mundo, e beleza negra domina concursos

Via
R7
Etiquetas

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios