Curiosidades

Empresa israelense consegue produzir carne bovina no espaço

Um passo decisivo para o consumo de proteína animal no espaço pode ter sido dado na Estação Espacial Internacional (EEI, ou ISS na sigla em inglês), informou a agência de notícias Bloomberg. A startup israelense Aleph Farms anunciou ter cultivado na estação tecido muscular a partir de células bovinas, usando uma impressora 3D.

Veja também: MEC entrega 180 ônibus escolares para municípios do estado de SP

A experiência ocorreu em 26 de setembro, na parte russa da EEI, e envolveu a montagem de tecido muscular na impressora, sob condições controladas de microgravidade. As células bovinas, colhidas na Terra, foram levadas ao espaço, onde foram cultivadas em pequena escala. O método busca imitar um processo natural de regeneração de tecido muscular que se dá no corpo de uma vaca.

“Estamos trabalhando em um novo método para produzir a mesma carne, mas de uma maneira que use menos da metade dos gases de efeito estufa”, disse Didier Toubia, cofundador e diretor executivo da Aleph Farms, à Bloomberg. “O experimento no espaço mostra que a carne pode ser cultivada nas condições mais adversas, ou seja, em qualquer lugar, a qualquer hora e para qualquer pessoa.” Toubia ressalvou que o experimento foi preliminar e apenas uma verificação de viabilidade.

Veja também: Faustão gera revolta e é acusado de racismo

Redução
A inovação surge num momento em que os consumidores estão reduzindo a ingestão de carne por razões alimentares ou preocupação com o meio ambiente. Já apareceram no mercado hambúrgueres à base de plantas e outros produtos similares à carne.

Embora o teste no espaço tenha sido bem-sucedido, mesmo na Terra a Aleph Farms avalia que precisará de pelo menos três anos para que os consumidores possam comprar seus bifes ou hambúrgueres.

Veja também: MP-RJ denuncia Marco Figueiredo por ter chefiado esquema de ‘rachadinha’ que envolvia auxílio educacional

“A missão de fornecer acesso a nutrição de alta qualidade a qualquer hora e em qualquer lugar de maneira sustentável é um desafio crescente para todos os seres humanos”, disse Jonathan Berger, CEO da aceleradora The Kitchen, que cofundou a Aleph.

Via
O Planeta
Etiquetas

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios