Mundo

França declara ‘controlada’ pandemia de Covid-19

OMS fez alerta: "Não acaba até que vírus não esteja em qualquer lugar do mundo", disse porta-voz em coletiva de imprensa em Genebra

A epidemia da Covid-19 está “sob controle” na França e a possibilidade de decretar um novo confinamento da população é “extremamente baixa”, mesmo que haja uma segunda onda, disse nesta sexta-feira, 5, o presidente do comitê científico que aconselha o governo, Jean-François Delfraissy. A Organização Mundial da Saúde (OMS), contudo, alertou que o risco “não acaba até que vírus não esteja em qualquer lugar do mundo”.

Em entrevista à rádio France Inter, Delfraissy reconheceu que o vírus “continua circulando”, especialmente na região de Paris, mas o faz “em velocidade lenta”, o que reduziu drasticamente o número de infecções diárias.

No momento mais dramático da pandemia em março, cerca de 80.000 novas infecções eram detectadas por dia. Agora, em média, são 1.000 casos diariamente, segundo o professor, que destacou essa “redução significativa”. Junto com ela, Delfraissy afirmou que o país se equipou com “os meios para detectar novos casos”.

“Temos os testes, temos um sistema de isolamento e detecção de pessoas infectadas que nos permite evitar a propagação”, disse o cientista, que chefia o comitê que aconselha o governo. Esse grupo de cientistas identificou quatro cenários para a evolução da pandemia, que vão desde seu controle, no qual Delfraissy coloca atualmente o país, até uma “degradação crítica” que assolou as autoridades, como aconteceu em março.

Ela salientou que o cenário mais possível para a França é o primeiro, no qual a pandemia está sob controle, como é atualmente graças ao confinamento e que “parece que o vírus é sensível a uma certa temperatura”.

Etiquetas

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios