Mundo

Incêndio em fábrica na Índia deixa mais de 40 mortos

Último balanço indica que 43 pessoas morreram na fábrica de Nova Déli. Dezesseis feridos foram internados e alguns estão em estado grave.

Um incêndio em uma fábrica em Nova Déli, capital da Índia, deixou 43 mortos neste domingo (8). Os bombeiros controlaram as chamas, mas seguem no local à procura de outras possíveis vítimas.

Veja também: Carlos Bolsonaro volta ao twitter em grande estilo, com GIF

O fogo começou às 5h30 (20h30 em Brasília) na parte inferior do imóvel, que tem quatro andares. As chamas rapidamente se espalharam pela fábrica, que produz principalmente mochilas, no centro histórico da cidade, em uma área chamada Azad Market.

Segundo a polícia, o número de mortos pode aumentar, pois das 58 pessoas resgatadas no local 16 foram hospitalizadas. Algumas delas estão em estado grave. As causas do incêndio ainda são investigadas.

Pelo menos cem pessoas estavam na fábrica no momento do incêndio. O chefe dos bombeiros de Nova Déli, Sunil Choudhary, informou que vítimas são funcionários que dormiam no edifício.

Parente de uma vítima de um incêndio em fábrica na Índia chora na frente de um hospital — Foto: Adnan Abidi / Reuters

Parente de uma vítima de um incêndio em fábrica na Índia chora na frente de um hospital — Foto: Adnan Abidi / Reuters

A área também é repleta de vielas, o que dificultou a passagem dos carros dos bombeiros.

Veja também: O fim está chegando para mim’, diz Tarcísio Meira após ser internado por conta de uma pneumonia

O primeiro-ministro indiano, Narendra Modi, descreveu o incêndio como “horrível”. “Os meus pensamentos estão com aqueles que perderam os seus entes queridos. Desejo aos feridos uma rápida recuperação”, afirmou no Twitter.

Mapa mostra localização de Nova Déli — Foto: G1

Mapa mostra localização de Nova Déli — Foto: G1

Os incêndios são comuns na Índia, onde as leis de construção e as normas de segurança são frequentemente desrespeitadas por construtores e moradores.

Em 1997, um incêndio num cinema em Nova Déli matou 59 pessoas. Em fevereiro deste ano, 17 pessoas morreram após um incêndio num hotel de seis andares, também na capital indiana, que começou numa cozinha instalada ilegalmente na cobertura do edifício.

Via
G1
Etiquetas

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios