Polícia

Jovens infratores se rebelam em unidade do Degase na Ilha do Governador

De acordo com o Degase, os jovens tomaram ala 1 da unidade e atearam fogo a colchões; situação estava sob controle por volta de 1h deste sábado

Jovens infratores  internados na Escola João Luiz Alves, na  Ilha do Governador , se rebelaram nesta sexta-feira. A  rebelião  foi confirmada por representantes do Departamento Geral de Ações Socioeducativas ( Degase ) por volta de 22h30 e a situação no local se encontrava sob controle por volta de 1h deste sábado.

De acordo com representantes do Degase, os jovens tomaram as galerias da ala 1 da unidade e atearam fogo a colchões. Convocados, funcionários da escola isolaram a área até a chegada dos bombeiros e da polícia militar. Agentes do Batalhão de Choque, do 17 BPM e da Defesa Civil estiveram no local, além de membros do Grupo de Ação Rápida do Degase.

O departamento não contabilizava feridos, mas um jovem foi retirado da escola com a cabeça enfaixada por volta de meia-noite. Ao todo, o complexo onde fica a João Luiz Alves abriga 217 internos e conta com 11 funcionários. Outra unidade do Degase, na Baixada Fluminense, também foi palco de uma rebelião de menores proporções na tarde desta sexta-feira.

 

Via
O GLOBO
Etiquetas

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios