Justiça

Juiz Marcelo Bretas autoriza Temer a viajar para o Líbano

O juiz da 7a Vara Federal do Rio, Marcelo Bretas, autorizou que Michel Temer viaje para o Líbano. O ex-presidente vai integrar a missão do governo brasileiro no país, de 12 a 15 de agosto. Como é alvo de investigações, Temer só pode deixar o Brasil com autorização da Justiça.

A autorização saiu poucos minutos depois do advogado Eduardo Carnelós fazer o pedido apresentando o documento do Diário Oficial da União que comprova que o ex-presidente integra o grupo de representantes do governo brasileiro em missão em Beirute. A viagem foi organizada pelo governo Bolsonaro após a explosão do porto da cidade, na semana passada.

Além do ex-presidente, integram a missão os senadores Nelson Trad Filho e Luiz Osvaldo Pastores, o secretário de Assuntos Estratégicos da Presidência da República, Flávio Rocha, o presidente da Fiesp, Paulo Skaf, o marqueteiro de Temer, Elsinho Mouco, entre outros.

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios