Internacional

Malásia envia 500 mil máscaras a Estado atingido por névoa devido a incêndios florestais

A Malásia enviou meio milhão de máscaras ao Estado de Sarawak e fechou mais de 400 escolas da região, nesta terça-feira, devido ao alastramento de uma névoa resultante de incêndios florestais, disseram autoridades.

A fumaça está se espalhando dos focos na vizinha Indonésia, disseram autoridades malaias, mas a Indonésia refutou a acusação e disse que também há incêndios florestais em outros países da região.

Cingapura disse que a qualidade do ar pode atingir níveis insalubres nas próximas 24 horas se o vento continuar trazendo a poluição, e alertou todas as pessoas que se sentirem mal a buscarem cuidados médicos.

Incêndios florestais estão ardendo em partes da ilha indonésia de Sumatra e da província de Kalimantan, em Bornéu, há semanas, e forçando o governo a enviar milhares de militares e policiais para conter as chamas.

Os vizinhos da Indonésia se queixam com frequência do nevoeiro causado por seus incêndios florestais — muitas vezes ateados por agricultores que tentam liberar terras para plantações de palmeiras.

As autoridades fecharam 409 escolas de Sarawak, do lado malaio de Bornéu, nesta terça-feira, informou o Departamento de Educação.

A agência nacional de gerenciamento de desastres da Malásia (Nadma) disse ter enviado 500 mil máscaras ao Estado depois que o índice de poluição atmosférica atingiu níveis insalubres nesta terça-feira.

Há anos o sudeste asiático sofre com ondas anuais de fumaça provocadas pelas práticas de cortes e queimadas dos agricultores indonésios, provocando temores a respeito da saúde e do impacto no turismo.

 

Via
Reuters
Etiquetas

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios