DestaqueNotíciasSaúde

Mandetta diz que pasta analisará primeiro estudo científico sobre cloroquina publicado

Ele ponderou, entretanto, que o trabalho não passou pelo crivo de questionamentos que em geral essas publicações passam

BRASÍLIA – O ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, anunciou que o primeiro trabalho científico publicado sobre cloroquina, na revista New England, trouxe bons resultados. Ele ponderou, entretanto, que o trabalho, feito com 62 casos, não passou pelo crivo de questionamentos que em geral essas publicações passam. Mas disse que é “já é algo que temos no horizonte”.

– Pode eventualmente ser questionado, pode não manter aquela perfomance. Mas já é um caminho, já é algo que nós temos no nosso horizonte, para ver passo a passo, com segurança, sem achismo. Iremos pela ciência, pelas publicações, encontrar as melhores soluções – disse Mandetta.

Ele afirmou que o Conselho Federal de Medicina e o conselho de especialistas que assessora o Ministério da Saúde farão conferência virtual para debater o tema. Mandetta vem adotando tom cuidadoso em relação ao uso de cloroquina e hidroxicloroquina para covid-19. Já o presidente Jair Bolsonaro tem considerado o remédio uma grande possibilidade de cura da doença.

Ontem, Mandetta foi preterido de reunião com médicos chamada pelo Palácio do Planalto. Avisado por amigos sobre a reunião e se iria participar, ele respondeu que não tinha conhecimento do encontro. O caso gerou mais um mal-estar entre o ministro e Bolsonaro e seu entorno.

Etiquetas

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios