Notícias

Manifestações contra Gilmar ocorrem em todo Brasil e a hashtags “#BrasilContraGilmarMendes” está nos trends com mais de 1 milhão de retuítes

Além de evento na avenida Paulista, protestos ocorreram no Rio, Brasília e em outras cidades do país

SÃO PAULO – Protestos conta o ministro Gilmar Mendes e o próprio Supremo Tribunal Federal ( STF ) ocorreram neste domingo na Avenida Paulista, em São Paulo. Perto do Masp, os manifestantes utilizaram dois carros de som para criticar o ministro. No evento, um boneco inflável exibia caricaturas do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, do ex-ministro José Dirceu e do próprio Gilmar. Mais cedo, outras manifestações ocorreram pelo país, inclusive na orla de Copacabana, no Rio, e em Brasília.

No evento paulista a palavra de ordem mais repetida foi “Fora Gilmar”. Em alguns momentos, os manifestantes também pediram o impeachment de Dias Toffoli, presidente do STF. Vestidos de verde e amarelo e camisetas da seleção brasileira, os manifestantes criticavam o novo posicionamento do ministro, que no último julgamento afirmou que condenados só devem começar a cumprir suas penas quando esgotadas todas os recursos judiciais. Com o fim da possibilidade prisão após a condenação em segunda instância, o ex-presidente Lula, Dirceu e outros condenados pela Operação Lava-Jato foram colocados em liberdade. Toffoli, que deu o voto de desempate, votou de acordo com o entendimento de Gilmar. Muitos manifestantes pediam a volta de Lula à prisão.

Manifestantes pediam “impeachment do STF” e exaltavam a figura doe Sergio Moro, ex-juiz da lava-Jato e atual ministro da Justiça e Segurança Pública. Muitos manifestantes também mostraram apoio ao governo do presidente Jair Bolsonaro. As manifestações foram marcadas pelas redes sociais e, no domingo, a hashtag “HojeGilmarMendesCai”, “BrasilContraGilmarMendes” foi a mais comentada do dia no Twitter. A polícia não precisou quantos manifestantes se encontraram na Paulista, mas, em seu auge, eles ocupavam meio quarteirão da via, que aos domingos é fechada ao trânsito para atividades de lazer.

Etiquetas

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios