Internacional

Manifestantes convocam greve geral em Hong Kong

Hong Kong pode ter mais confrontos, já que manifestantes estão convocando a população a aderir a uma greve geral nesta segunda-feira (5), com o objetivo de paralisar a cidade.

A imprensa local diz que manifestantes estão tentando interromper o transporte coletivo durante a manhã, impedindo trens de deixarem as estações. A autoridade aeroportuária também cancelou mais de 160 voos devido a relatos de que funcionários vão aderir à greve.

Os protestos de hoje ocorrem após mais um fim de semana violento. Manifestantes jogaram tijolos em delegacias de polícia enquanto policiais utilizaram gás lacrimogêneo para dispersar as multidões.

Autoridades de Hong Kong dizem agora que as manifestações ilegais estão levando a cidade a um “limite extremamente perigoso”.

As manifestações começaram devido a um polêmico projeto de lei de extradição. Ele permitirá que suspeitos de delitos criminais sejam enviados à China continental para julgamento. O projeto já foi suspenso, mas os manifestantes exigem seu arquivamento definitivo.

*Emissora pública de televisão do Japão

 

Via
EBC
Etiquetas

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios