GeralNotícias

Noivas e empresários se unem para decorar festa de jovem que levou ‘bolo’ de decoradora horas antes do casamento, em Goiânia

Voluntários se mobilizaram para decorar a festa. Decoradora informou, por mensagem, no dia do casamento, que faliu e não conseguiria honrar o contrato.

Noivas e decoradores se uniram em uma corrente do bem para realizar o sonho da festa de casamento de uma jovem que levou um “bolo” da decoradora poucas horas antes da cerimônia, em Goiânia. Na sexta-feira (6), a noiva Mariana Rodrigues Porto denunciou que a profissional que ela havia contratado para a decoração sumiu no dia do casamento e não atendeu mais as ligações.

Em uma mensagem pelo celular, a decoradora informou que faliu e que não conseguiria honrar o contrato.

A notícia do calote se espalhou e um grupo de voluntários decidiu se unir para decorar o local do casamento. Noivas que só conheceram Mariana pelas redes sociais fizeram questão de ajudar na montagem e limpeza.

“Algumas noivas do grupo se sensibilizaram, as que puderam vieram mais cedo para ajudar na organização, outras vieram após o trabalho, cada uma ajudando da forma que pode”, afirmou a funcionária pública Karina de Oliveira.

Casamento foi decorado por voluntários após calote de decoradora, em Goiânia — Foto: Reprodução/TV Anhanguera

Decoradores da capital emprestaram cortinas, mesas, sofá, forração e móveis para a festa de casamento de Mariana. Muitos voluntários também ajudaram na montagem.

“O que aconteceu aqui foi uma corrente do bem, todo mundo se mobilizou”, disse a gerente do espaço de festas, Celina Aparecida Borges.

Denúncia

Mariana Rodrigues Porto recebeu a mensagem da decoradora na manhã do casamento e decidiu registrar o caso na Delegacia Estadual de Repressão a Crimes Contra o Consumidor do Estado de Goiás (Decon), em Goiânia.

“O que me impressiona é ela falar que faliu e continuar fechando contratos, que inclusive fiquei sabendo que são mais de 50 contratos fechados só esse ano”, afirmou.

Segundo Mariana, ela conversou com a decoradora durante toda a tarde na véspera resolvendo detalhes do casamento e não disse que foi pega “de surpresa”.

“Estou destruída, né, porque era um sonho meu”, lamentou.

Decoradora envia mensagem falando que não tem dinheiro para honrar contratos, em Goiânia, Goiás — Foto: Reprodução/TV Anhanguera

G1 tentou contato com a Decorare Flores e Festas, empresa responsável pelo casamento, mas as ligações caíram direto na caixa postal e a mensagem enviada por aplicativo não foi respondida. A TV Anhanguera também tentou contato com a decoradora por telefone e pelas redes sociais, mas não obteve retorno.

A Polícia Civil informou que está investigando o caso e disse que algumas vítimas já foram ouvidas. A decoradora é procurada para se explicar.

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios