Internacional

Nova governadora de Porto Rico diz que pretende permanecer no cargo

A porta giratória do escritório do governador de Porto Rico pode parar finalmente graças a Wanda Vázquez, recém-empossada no cargo do território norte-americano falido, que disse nesta quinta-feira que não pretende renunciar.

Em uma série de tuítes, a ex-secretária de Justiça de Porto Rico negou reportagens segundo as quais concordou em deixar o cargo em breve para permitir que Jenniffer González, representante da ilha caribenha no Congresso dos Estados Unidos sem direito a voto, possa tomar posse.

“Nunca fiz tal acordo. Não sei a que tipo de acordos (o Novo Partido Progressista e líderes do Legislativo) chegaram”, disse Wanda em um programa de rádio matutino, enfatizando que pretende continuar no posto pelo restante do mandato do ex-governador Ricardo Rossello, que termina em 1º de janeiro de 2021.

Na quarta-feira, Wanda se tornou a terceira governadora portorriquenha em menos de uma semana, já que Rossello, que tomou posse em 2017, renunciou na sexta-feira e seu sucessor escolhido a dedo, Pedro Pierluisi, foi afastado pela Suprema Corte da ilha.

Ainda na quarta-feira, a corte de nove juízes determinou de forma unânime que a posse de Pierluisi foi inconstitucional porque o Senado de Porto Rico não confirmou sua indicação como secretário de Estado, feita por Rossello em 31 de julho, o primeiro cargo na linha sucessória para governador pela Constituição do território.

O veredicto veio na esteira de semanas de tumultos políticos, e em 24 de julho Rossello anunciou sua intenção de renunciar depois de dias de protestos.

Via
Reuters
Etiquetas

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios