Polícia

Quadrilha incendeia carros e explode agência da Caixa em Bragança Paulista

Unidade da Caixa Econômica Federal fazia pagamento do auxílio emergencial da pandemia de covid-19

Uma quadrilha armada com fuzis invadiu a região central de Bragança Paulista, no interior de São Paulo, e explodiu uma agência bancária, na madrugada desta terça-feira, 2. Cerca de 20 criminosos chegaram em vários carros e se dividiram em dois grupos, segundo a Polícia Civil.

Enquanto um atacava a agência, o outro se postou em frente ao 34º Batalhão da Polícia Militar, incendiou dois carros e fez dezenas de disparos contra o prédio. Apesar da violência do ataque, a quadrilha não conseguiu ter acesso ao dinheiro do cofre, segundo a polícia. Ninguém ficou ferido.

A ação criminosa teve como alvo uma agência da Caixa Econômica Federal, na rua Coronel Osório, que fazia o pagamento do auxílio emergencial devido ao coronavírus. Os criminosos arrombaram a porta e usaram explosivos na tentativa de explodir o cofre. As explosões, que assustaram os moradores, derrubaram as paredes da agência, mas o cofre resistiu, segundo a polícia.

O dono de um dos carros incendiados contou à polícia que teve o veículo fechado por uma SUV e homens encapuzados mandaram que descesse e se deitasse no chão. Meia hora depois, ele encontrou o carro queimado em frente à base da Polícia Militar do Taboão.

Os criminosos se dividiram na fuga. Um grupo seguiu em direção à rodovia Fernão Dias, enquanto outro pegou a rodovia que liga Bragança a Itatiba. A Polícia Militar mobilizou até helicóptero na perseguição aos criminosos. Até as 9 horas, nenhum suspeito tinha sido preso.

De acordo com a Polícia Civil, por se tratar de banco federal, as investigações ficarão a cargo da Polícia Federal. A Caixa foi procurada e não havia dado retorno até o encerramento da reportagem.

Veja o vídeo: 

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios