Mundo

Rebelião em prisão de Bogotá ‘por coronavírus’ deixa 23 mortos e mais de 80 feridos

Um motim em uma prisão de Bogotá supostamente contra as condições sanitárias em meio à pandemia de coronavírus deixou 23 prisioneiros mortos e outros 83 feridos na noite de sábado, disse a ministra da Justiça neste domingo.

Segundo Margarita Cabello Blanco, sete guardas também ficaram feridos na penitenciária de La Modelo. Dois deles estão em estado grave. Segundo a ministra, os dententos atearam fogo no interior da cadeia e tentaram fugir. Houve rebeliões em outros presídios do país, contou o jornal “El Tiempo”.

– Não houve fugas. Aqui houve um plano criminoso de fuga que foi frustrado. Não há um problema sanitário para gerar um motim – afirmou a ministra.

A Colômbia já registrou dezenas de casos de Covd-19, a doença provocada pelo coronavírus, no país, com duas mortes. Nenhum dos casos, disse a ministra, no sistema penitenciário, que tem 2.919 detentos acima de 65 anos – o grupo mais vulnerável.

Via
EXTRA
Etiquetas

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios