JustiçaLava Jato

Rennan da Penha: quem é o DJ carioca e por que seu nome é um dos mais citados após decisão do STF

Criador do Baile da Gaiola, que espalhou a batida de funk 150, mais ouvida no Brasil hoje, foi preso em abril após condenação em 2ª instância.

Com a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) para derrubar a possibilidade de prisão de condenados em segunda instância, o nome de Rennan da Penha voltou a ser citado nas redes sociais.

Isso porque o DJ foi preso em abril depois de ser condenado em segunda instância pela Justiça do Rio de Janeiro a seis anos e oito meses de prisão pelo crime de associação ao tráfico de drogas. Rennan da Penha havia sido absolvido na primeira instância do julgamento.

Na época, a Ordem dos Advogados do Brasil questionou a prisão de Rennan e afirmou que a condenação seria uma tentativa de criminalizar o funk. A OAB também declarou preocupação com o uso do sistema da Justiça criminal contra setores marginalizados da sociedade. Nas redes sociais, fãs do DJ mostraram insatisfação com a decisão. Um ato chegou a ser organizado pedindo liberdade para Rennan.

A decisão do STF, após votação nesta quinta-feira (7), pode beneficiar presos como Rennan, mas sua aplicação não é automática para os processos nas demais instâncias do Judiciário. Caberá a cada juiz analisar, caso a caso, a situação processual dos presos que poderão ser beneficiados com a soltura. Se houver entendimento de que o preso é perigoso, por exemplo, ele pode ter a prisão preventiva decretada.

No dia em que foi preso, Rennan comentou o seu contato com moradores da comunidade da Penha.

“Me acusam de olheiro, que dava informações por onde a polícia passava naquela comunidade. Mas foi um mal-entendido devido que todo mundo se comunica na comunidade. Toda vez que tem uma operação todos os moradores se comunicam, entendeu? Colocaram isso como se fosse atividade do tráfico”, explicou o DJ na delegacia.

Rennan da Penha — Foto: Divulgação/Leleco

Rennan da Penha — Foto: Divulgação/Leleco

Quem é Rennan da Penha?

Rennan da Penha é o criador “Baile da Gaiola”, maior baile funk do Rio. O evento espalhou a batida de funk 150, mais ouvida no Brasil atualmente. O baile, que acontece na Vila Cruzeiro, Complexo da Penha, já chegou a receber mais de 20 mil pessoas em uma edição em julho de 2018 e durou cerca de 16 horas.

Tema de diversas músicas, o “Baile da Gaiola” já apareceu em letras de Dennis DJ, Mc Livinho, Mc Maneirinho e Mc Kelvin. Os vídeos somam 225 milhões de visualizações no Youtube.

Referência no mundo do funk, Rennan já teve participações em músicas do Nego do Borel e foi um dos convidados do bloco Fervo da Lud, da cantora Ludmilla.

Em entrevista ao G1, MC Du Black falou sobre a prisão de Rennan. “A prisão do Rennan fez a gente ficar bastante recuado, pensando: por que o governo está fazendo isso? O que a gente faz de mal com o funk? Mas também deixou a gente disposto, porque o funk vai continuar. Está todo mundo seguindo, funk não eh crime, DJ não é criminoso, a gente é artista de rua.”

Já Anitta preferiu não opinar sobre o assunto quando foi questionada em junho deste ano. “Eu não sei absolutamente nada [sobre a prisão de Rennan]. Eu sei que aconteceu, mas não sei os motivos, então não sou muito boa para opinar nesse momento.”

Via
G1
Etiquetas

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios