Economia

Sem Walmart, Sam’s Club vira pilar do Grupo Big e ganha novas lojas

Clube de compras de produtos importados inaugura nova loja em Brasília e está no centro da nova estratégia da empresa

O Sam’s Club, clube de compras de produtos importados que tem 27 lojas no Brasil, é uma das principais apostas do Grupo Big (ex-Walmart) para voltar a crescer no Brasil. A marca inaugura hoje uma nova loja na Asa Norte em Brasília e tem mais três previstas para 2019 — duas em São Paulo (Vila Leopoldina e Morumbi) e uma em Aracaju. O investimento nas quatro lojas é de 110 milhões de reais e vem após um período de quase dez anos sem novas unidades do Sam’s Club no país. A meta é chegar a 2022 com 39 unidades da marca.

A expansão vem pouco mais de um ano após o fundo Advent comprar 80% do Walmart no Brasil, em junho de 2018. No mês passado, a empresa anunciou o fim da marca Walmart no país e passou a se chamar Grupo Big. Com a decisão, a companhia economiza em royalties. No entanto, a marca Sam’s Club, também ligada ao Walmart, foi avaliada como estratégica pela nova gestão e vai continuar. A empresa não divulga quanto paga em royalties para manter o negócio.

“Quando avaliamos o grupo, ficou claro que o Sam’s Club era um formato único, de performance muito positiva e que fazia todo o sentido investir nele. Queremos usar essa marca como um pilar de crescimento do grupo”, afirma Fernando Lunardini, diretor-executivo da marca no Grupo Big.

Etiquetas

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios