GeralPolítica

Senadores fecham acordo e votação sobre decreto de armas fica para semana que vem

Os projetos que tentam anular o decreto de armas assinado pelo presidente Jair Bolsonaro devem ser votados pelo plenário do Senado na semana que vem. A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) rejeitou mais cedo um relatório favorável ao decreto. Parlamentares contrários ao que Bolsonaro assinou queriam levar o tema para plenário no mesmo dia, calculando que havia votos para impor uma derrota ao governo.

Após acordo, no entanto, os projetos não serão analisados pelo plenário nesta quarta-feira, 12, mas apenas na próxima terça-feira, 18. O prazo dá mais tempo para o governo buscar votos, já que a votação na CCJ sinalizou ambiente para cancelar o decreto presidencial. Os projetos ainda precisam passar pela Câmara depois do Senado.

Via
Terra
Tags

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios