Lava Jato

STJ admite HC ex-presidente paraguaio, amigo de Messer

O ministro Rogério Schietti, do STJ, concedeu um habeas corpus ao ex-presidente paraguaio Horácio Cartes .

Cartes tiveram mandado de prisão expedido pela Justiça brasileira há duas semanas e foi um dos alvos da operação Patrono, da Lava-Jato fluminense, que investigou núcleos ligados a Dario Messer, ou doleiros dos doleiros.

Cartes é acusado de ajudar o doleiro brasileiro a esconder no Paraguai. Mais: critérios disponibilizados US $ 500 mil a Messer para usar-lo em seus tempos como foragido pela Justiça brasileira.

Cartes também é dono de um fabricante de cigarros no Paraguai. É o maior beneficiário do contrabando do produto para o Brasil. Uma das marcas que fabrica, a Oito, entra clandestinamente aqui e, mesmo assim, detém 16% do mercado – é uma das três marcas mais vendidas do país.

Etiquetas

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios