Esportes

Tribunal nega apelação da defesa de Ronaldinho e ex-craque permanece preso

O Tribunal de Apelação do Paraguai ratificou a prisão preventiva de Ronaldinho Gaúcho e de seu irmão, Roberto de Assis Moreira, na Agrupácion Especializada da Policia Nacional, em Assunção. Com essa determinação, o ex-jogador de futebol continuará detido na cadeira de segurança máxima. A decisão foi tomada nesta sexta-feira pela mesa julgadora formada pelos magistrados Gustavo Santander, Gustavo Ocampo e Pedro Prefeito Martínez.

Os juízes da Câmara de Apelação entenderam que ainda há perigo de fuga e de obstrução às investigações sobre o caso. O pedido foi feito pela defesa do ex-jogador na quinta-feira. Foi a terceira vez que a defesa tentou tirar o ex-craque e seu irmão da cadeia. Os advogados solicitaram que eles fossem beneficiados com a medida alternativa de prisão domiciliar e apresentasse como segurança uma propriedade que não tem relação direta com os suspeitos.

“Independentemente de se tratar de um crime, o risco do perigo de fuga é alto. Nós temos que dar tempo à Justiça”, argumentou o magistrado Pedro Mayor Martínez à rádio “ABC cardinal 730 AM”.

O magistrado mencionou que, entre as principais queixas da defesa, está a falta de justificativa e motivação da decisão, entre outras, o que as leva a analisar a resolução nesse contexto.

“Consideramos que o mérito da resolução, que se encontra dentro dos requisitos regulatórios, o que é necessário para restringir a liberdade de Ronaldinho e seu irmão, vinculados aos atos puníveis do uso de documentos com conteúdo falso”, disse Martínez.

Ele já passou sete noites no sistema prisional desde que foi detido, na sexta-feira da semana passada, dia 6, por portar documentos paraguaios falsificados.

Número de investigados aumenta

O Ministério Público do Paraguai indiciou mais oito pessoas na quarta-feira,e o número de investigados chegou a 14 indivíduos. Entre eles, a única pessoa foragida é a empresária Dalia Lopez, responsável pela ida dos irmãos ao país.

A polícia paraguaia fez buscas em duas propriedades da empresária atrás da empresária envolvida na adulteração dos passaportes. Ela teve a prisão decretada no final de semana e é considerada fugitiva. No local, foram encontrados cerca de 6 mil bolas com o rosto do ex-jogador.

Via
EXTRA
Etiquetas

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios