DestaqueGeralInternacionalPolítica

Trump e Pompeo reafirmam apoio ao Brasil

RIO – O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, reafirmou na noite desta quinta-feira seu apoio ao ingresso do Brasil na Organização de Cooperação e Desenvolvimento Econômico ( OCDE ), após uma reportagem da agência Bloomberg afirmar que uma carta de Washington enviada à organização em agosto endossava apenas as candidaturas de Argentina e Romênia. Trump, no entanto, não mencionou o fato de a carta, segundo a reportagem, não mencionar a candidatura brasileira.

“O comunicado conjunto divulgado com o presidente Bolsonaro em março deixa completamente claro que apoio o início do processo de adesão plena do Brasil a membro da OCDE”, escreveu Trump. “Esta reportagem é FAKE NEWS”, disse o presidente linkando para o texto da Bloomberg.

Um pouco antes, o secretário de Estado americano, Mike Pompeo , afirmara, também  no Twitter, que a carta vazada  “não representa exatamente” a posição americana na questão.

“Somos entusiastas apoiadores do ingresso do Brasil nessa importante instituição, e os Estados Unidos  vão fazer um forte esforço para apoiar a acessão do Brasil”, disse Pompeo no Twitter, sem mencionar prazos ou a decisão de priorizar Argentina e Romênia.  “Ao contrário de relatos da mídia, os EUA, consistentes com a declaração conjunta do presidente @realDonaldTrump e do presidente @jairbolsonaro em 19 de março, apoia completamente o início do processo de adesão do Brasil para membro pleono da OCDE.

Pouco antes, a embaixada dos Estados Unidos em Brasília havia publicado uma nota em que reafirmava o apoio do país à entrada do Brasil na OCDE . O tuíte de Pompeo e a nota da embaixada foram em resposta à reportagem da agência Bloomberg afirmando que os EUA não mencionaram o apoio ao ingresso do Brasil na carta enviada ao organismo no fim de agosto — nela constavam apenas o respaldo às candidaturas da Argentina e da Romênia.

 

Etiquetas

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios