DestaqueGeralInternacional

UE multa em US$ 1,2 bilhão Citigroup, Barclays, JP Morgan e outros bancos por manipulação cambial

Operadores das empresas criaram cartéis para alterar indicadores do mercado financeiro, diz Comissão Europeia

BRUXELAS – A União Europeia (UE) multou nesta quinta-feira os bancos Barclays, Citigroup, JP Morgan, Mitsubishi UFJ Financial Group e Royal Bank of Scotland em € 1,07 bilhão — US$ 1,2 bilhão — por práticas de manipulação no mercado de câmbio internacional.

Muitos bancos vêm recebendo multas de bilhões de dólares nos últimos dez anos por alterar indicadores de referência usados em transações financeiras, o que piorou ainda mais a já frágil reputação da indústria financeira depois da crise econômica global de 2007-2008.

A Comissão Europeia, braço adminstrativo da UE, disse que operadores nos bancos envolvidos formaram dois cartéis que fizeram alterações no mercado internacional de divisas de 11 moedas, incluindo dólar, euro e libra esterlina.

O Citigroup levou a maior multa, de € 310,8 milhões, enquanto o banco suíço UBS não foi penalizado por ter sido o que alertou a Comissão Europeia sobre a existência dos cartéis.

“As decisões sobre esses cartéis enviam uma clara mensagem de que a Comissão não vai tolerar práticas de conluio em nenhum setor dos mercados financeiros”, afirmou a comissária de Competição europeia, Margrethe Vestager.

A investigação sobre o caso levou cinco anos e determinou que nove operadores compartilhavam informações confidenciais entre os bancos e revelavam seus esquemas de transações em chats on-line. E chegaram a coordenar estratégias de negócios.

Via
O GLOBO
Tags

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios