CidadesGeral

Venezuelana morre com 75 cápsulas de cocaína no estômago em Viracopos

Pedagoga de 46 anos foi presa em Campinas, quando tentava embarcar para a França, e morreu horas depois

SOROCABA – Uma pedagoga venezuelana de 46 anos morreu após ser presa no Aeroporto Internacional de Viracopos, em Campinas, quando tentava embarcar para a França com 75 cápsulas de cocaína no estômago. A suspeita é de que ao menos uma das cápsulas tenha estourado no estômago da mulher.

O exame sobre a causa da morte ainda não ficou pronto. O caso aconteceu no dia 17 de maio, mas só foi divulgado nesta terça-feira, 4, pela Polícia Federal.

Segundo a PF, após ser presa, a passageira foi levada para um hospital para a retirada da droga. Teriam sido recuperados 862 gramas de cocaína. A PF não deu mais informações sobre o caso.

A Venezuela vive uma crise política e socioeconômica desde 2017. Cerca de 40% da população economicamente ativa estão sem emprego.

Via
Terra
Tags

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios