Entretenimento

Viúva de Gugu Liberato deverá receber pensão de R$ 100 mil por mês

Determinação da justiça garante pensão a Rose Miriam, com quem Gugu Liberato teve três filhos

Rose Miriam, viúva de Gugu Liberato, morto em novembro do ano passado, ganhou o direito de receber uma pensão de 100 mil reais por mês após determinação da justiça.

A decisão foi tomada na 9ª Vara da Família e das Sucessões do Foro Central da Capital do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo, por definição de valor equivalente ao que o apresentador deixou para a mãe, Maria do Céu, de 90 anos.

Segundo informações da Folha de S.Paulo, o despacho da decisão aponta que: “Satisfaz, ao menos para este momento, a equação de possibilidades do alimentante (espólio) e necessidades da alimentada”.

O pedido foi feito pelos advogados Nelson Wilians e João Vinícius Manssur, que representam Rose Miriam. De acordo com Willians, o resultado foi satisfatória. “A decisão foi sensível ao momento que passa Rose Miriam. Após a morte de Gugu, que era mantenedor dela e dos filhos, ela ficou sem recursos para manter as despesas de casa, já que a inventariante do espólio é a irmã de Gugu, que não repassou absolutamente nada para Rose”, afirmou, por meio de sua assessoria, à Quem

Procurada pela Quem, a assessoria de Gugu Liberato, que também representa a mãe do apresentador e os filhos, afirmou que não tem declaração a fazer, pois o caso está correndo sob sigilo da justiça.

Entenda o processo
Após a morte de Gugu Liberato, Rose Miriam buscou entrar na Justiça para que a união estável com o apresentador fosse reconhecida e assim ela possa ter direto à herança dele. De acordo com o advogado Nelson Wilians, que representa Rose, o inventário havia sido aberto, mas a médica e as filhas menores do casal não tinham informações sobre o patrimônio e a administração dos bens.

Segundo o profissional, além de companheira de Gugu, por quase duas décadas, Rose também é a representante legal de Sofia e Marina, as gêmeas de 15 anos que teve com o apresentador, com quem também teve João Augusto, de 18 anos.

Fonte
Revista Quem
Etiquetas

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios